quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

QUAL O SEU MAIOR SONHO?



Todos nós temos pelo menos o desejo de realizarmos um sonho enquanto vivemos neste mundo ferido e cansado, há os que contentam-se com pouco, outros com mais, uns exageradamente e de forma egoísta, que pensam primeiramente em si, segundo em si, terceiro... por ai vai... pensou nos POLÍTICOS?Não, não sei se são assim.Será?!O mundo é desigual mesmo, e acho difícil isso mudar no plano atual que vivemos por conta da dureza dos coraçãos, é "Farinha pouca meu pirão primeiro", a menos que por um grande milagre pode mudar, só Deus sabe.
Nós músicos convivemos muitas vezes com a semente do egoísmo, da "concorrência", mesmo que hajam exceções obviamente, hoje mais ainda, pois com a mesma proporção que temos a internet como ferramenta de divulgação barata, tem um maior número de gente querendo mostrar a cara, com um bom trabalho ou não.
Bom mesmo seria que houvesse ajuda mútua entre todos, espaço para todos (pelo menos os trabalhos de maior qualidade musical, criativa e autênticos) mas ainda vale mais as panelinhas, seja na música secular ou na música cristã, mas repito que graças a Deus há exceções!

Mais um ano termina, se bem que termina mais uma contagem de calendário, a vida sempe continua, NADA MUDOU, e que mude nossa força de vontade e fé em seguirmos caminhando e deixando pra trás as coisas que não foram boas para nós, é importante sempre recomeçar, mesmo que do zero, ter fé em Deus e ter fé na vida, já que todo aqui vai passar mesmo.




Conheço muitos amigos músicos, cantores que sonham em gravar suas música há anos, mas mesmo com todo o barateamente que o desemvolvimento tecnológico trouxe para nós podermos gravar, financeiramente ainda é difícil pra muitos, em especial pela marginalização para quem vive da música, para um assalariado nem se fala!Mas vamos com fé e criatividade, buscar cada espaço, cada brecha, quem caminha alcança, a porta abre-se a quem lhe bate, mesmo que inúmeras vezes.

A The Bluz tem vivido tudo isso nesses dez anos de estrada, que venham mais anos, lutas e vitórias, força e fé para nos reerguermos na hora de alguma derrota.

Nosso obrigado a todos que visitam e comenta aqui no blog!

Por Joanatan Richard

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

THE BLUZ CHRISTMAS SHOW



É com um sabor especial que estamos na expectativa de fazermos o "The Bluz Christmas Show" neste mês de dezembro, que é uma data comemorativa para cristãos (ou não), e significa também a chegadoa do fim de mais um ano de nossas vidas, o tempo passa, as datas passam mas nós seguimos a vida com nossas alegrias e lutas, tristezas e vitórias.

Particularmente acho que deveríamos viver todo dia com a mesma intensidade e amor os mesmos propósitos sugeridos e comemorados em cada data comemorativa do ano, cada mês comemora-se uma coisa, umas até banais ao meu ver, mas é assim mesmo,  taçvez precisamos disso para dar um sabor a mais em nossas vidas, mas sem a alienação que presenciamos tabto.
Porém destaco o Natal com uma maior importância, mesmo que "simbólica", por representar o nascimento de Jesus, e sei que há também quem fique deslumbrado com Papai Noel e seu conceito que na verdade é algo verdadeiramente capitalista, já que seu antigo lado histórico e mais fraterno infelizmente perdeu-se em meio ao egoísmo doentil da humanidade.
A idéia aqui não é fazer um incisivo e cansativo sermão, é apenas deixar algo para refletismos sobre nós, a humanidade, que cada vez mais nos isolamos e nos afastamos do princípio básico deixado por Jesus: "Que sejam um...", "Amem ao próximo como a si mesmos..."


Em nossa apresentação queremos levar todo esse clima embalado por Blues, Rock, Jazz, Gospel, Soul, Country, etc.

Nosso obrigado a todos desde já pela presença!



Happy Chritmas, guys!


Joanatan Richard



quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Super entrevista com Fabio McCoy da Crazy Legs




CONFIRA NO IPOJUKEBOX BLOG UMA SUPER ENTREVISTA COM A MAIOR BANDA DE ROCKABILLY DO BRASIL, A PAULISTA CRAZY LEGS, QUE ALÉM DO SEU ÚLTIMO CD LANÇADO ESTE ANO, FALAM SOBRE A GRAVAÇÃO DE UM CLIP E DE UMA GRANDE TOURNE PELA EUROPA!

http://ipojukebox.blogspot.com CLICK NO LINK

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

NOVOS TEMPOS OU A VOLTA DO LONG PLAY

CLICK NO TÍTULO ACIMA E CONFIRA



Está rolando mundo afora a maior discursão sobre o futuro da indústria fonográfica qual será o formato físico do futuro, qual tipo de mídia...

Não deixe de conferir este assunto no Ipojukebox Blog!

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

SHOW DE ARCOVERDE 
 E NOSSA CENA

The Bluz fez um show inesquecível em Arcoverde na última sexta dia 27, foi a prévia do Arco Jazz Fest, um festival de Blues, Jazz e outras gêneros relacionadas.
 
Vale lembrar que Arcoverde deve ser mais uma cidade do interior pernambucano entrando na área dos festivais, vale lembrar que no 1º semestre Giovanni Papaléo mesmo produtor do Oi Blues by night, Garanhuns Jazz, Porto Jazz (Porto de Galinhas) tentou fazer em Caruaru um festival do "naipe", veio até nossa cidade com a proposta para a nossa prefeitura, mas...  não havia verba para tal!
 
Garanhuns tem verba... Arcoverde tem verba... porto de Galinhas tem verba... tantas outras cidades do interior do Brasil tem verba para festivais do tipo... CARUARU NÃO TEM!!

Diga-se de passagem para muitos é mais fácil dizer que a nossa população não tem cultura, que o que o povão (independente de classe social) quer é "evento popular" e não algo com Jazz, Blues, ou Rock, etc!

Achei pertinente um comentário sobre esse assunto feito por uma pessoa no Orkut: "Posso estar enganado, mas acho que festivais culturais em Caruaru só andam quando se tem retorno financeiro para os cofres públicos."

- Mais uma vez fica o questionamento tipo, o que tantas outras cidades e as já citadas que são menores, possuem que a nossa não tem?!

- Será verdade que entre os nossos 300 mil habitantes não teria um número mínimo que servisse como pré requisito para haver um festival Jazz & Blues na cidade?! 

A POPULAÇÃO DE "MÚSICOS E BANDAS COM CÉREBRO" DA NOSSA CIDADE ESTÁ INDIGNADA HÁ DÉCADAS COM O DESCASO DOS NOSSOS GOVERNANTES.
ESSE GRITO DE INDIGNAÇÃO TEM QUE ECOAR! 

sábado, 21 de novembro de 2009

SHOWS

Nos próximos dias nosso estado recebe atrações que vão agradar quem gosta do Jazz ao Metal, do Litoral, Agreste e Sertão.

RECIFE

Na próxima quarta dia 25 apresentam-se em Recife pelo projeto Oi Blues by night grandes nomes do blues de Chicago Billy Branch e Carlos Johnson, o primeiro considerado um dos maiores nomes da gaita de blues na atualidade o segundo um grande virtuoso da guitarra blues, ainda vão se apresentar a Uptown Band, Adrian Flores e convidados.



LOCAL: SPIRIT
INGRESSOS: Mulher R$20.00/Homem R$30.00
HORA: 22

É mole ou querem mais?!Tem mais...


PORTO DE GALINHAS

Ainda tem o Jazz Porto que será realizado em porto de Galinhas nos dias 26, 27 e 28, com a presença de ninguém menos que Stanley Jordan (dia 28), outras grandes atrações ainda não foram divulgadas.


ARCOVERDE


Agora seguimos para o sertão pernambucano, para Arcoverde onde a The Bluz e a Street Jazz Band farão no dia 27 apresentação histórica, sendo a prévia do 1º ArcoJazzFest, um festival de Blues e Jazz que será realizado no próximo ano. 





LOCAL: Coreto da Praça da bandeira - Centro
HORA: 21


CARUARU

Em caruaru temos dois shows que pelo visto vão ficar na memória musical e cultural da cidade, em um deles é uma atração internacional e outro com um grande expoente da música pop nacional.

INTERNACIONAL

Dia 1 de Dezembro apresenta-se na Nova Music, o guitarrista Timo Tolkki a mente criadora do Stratovarius, que será acompanhado da Revolution Renaissance, com participação de Daniel Pique e muitos outros convidados especiais.



LOCAL: Nova Music
INGRESSOS: Antessipados R$15.00 / na hora R$20.00
HORA: 20
INFORMAÇÕES: www.novamusic.com.br


 
NACIONAL

No dia 4 de dezembro será a vez do cantor Leoni, um dos grandes ícones do rock brasileiro dos anos 80, e um dos grandes compositores do Brasil, entre alguns classicos compostos por ele, podemos citar: Exagerado, como eu quero, porque não eu?, Fixação, etc.



LOCAL: Sociedade de Medicina (Av. Portugal)
INGRESSOS: R$20.00 Banca 3º Mundo

HORA: ?





quarta-feira, 18 de novembro de 2009

POR QUE CONTRATAR UM PRODUTOR MUSICAL?




Há muito que você compõe e ensáia com sua banda, ou mesmo sozinho com seu violão, teclado, bateria, ou sei lá o que mais, mas não sabe qual o primeiro passo para gravar suas músicas.




Mas aonde entra a pessoa do produtor musical, qual sua real importância? 
Já foi postado aqui a importância de um bom técnico de som no estúdio na hora da gravação, já no caso do produtor uma das principais responsabilidades é supervisionar se cada elemento na música, se os arranjos soam bem, se soam coerentes com tudo que a música realmente precisa, se não há excessos, ou mesmo se falta algo relevante que ainda precise ser acrescentado.
Sempre levando em consideração a satisfação do artista, músico, banda ou grupo que está sendo gravado, atingindo o perfil idealizado pelo artista dando a "cara" ao seu disco, há casos que o produtor vai além, convensendo o artista até mesmo a mudar para melhor o conceito geral e o perfil do album.

Escolhendo o estúdio
O produtor pode ser decisivo na hora de escolher um estúdio que melhor se encaixe no perfil do trabalho, e também no bolso do artista, mas talvez o fator mais importante seja o bom relacionamento entre todos os enlvolvidos no trabalho, o clima de confiança, respeito, cumplicidade fazem grande diferença já que o produtor em geral faz além da direção da banda, a direção do técnico levando sempre a gravação no caminho da melhor sonoridade, e mais que sonoridade o conceito do disco, que é imprecindível para forjar o perfil do artista em meio a tantos "clones de clones" existentes no mercado.
Sendo assim, percebemos que não basta só o lado técnico, nem mesmo o maior e mais bem equipado estúdio da cidade se os fatores citados acima não forem colocados em prática, assim como também ter um grande técnico de som em ação certificando-se que buscará o som almejado de acordo com cada estilo.

O conteúdo 
No mais a qualidade da obra vai depender da arte, boas composições, boa concepção, bons intérpretes, bons músicos e que acima de tudo estejam preparados para o estúdio, e por falar em músicos, saibam que nem sempre quem tem "muita" velocidade ou "muita" técnica ao executar um instrumento é o mais indicado para gravação, já que criatividade, personalidade, muita inspiração, originalidade.E por que não dizer atitude? Com certeza tudo isso conta muito mais, indubitavelmente!



Enfim, é sempre mais seguro fazer um trabalho com alguém que tenha experiência no assunto, dando uma certeza a mais de que ao fim das contas o artista vai acabar até economizando mais por não ter dado o passo errado no estúdio, chegando até mesmo colocado o trabalho a perder em alguns casos.


Dica preciosa: Não esqueça de negociar sempre melhores valores, forma de pagamento e pacotes com o produtor e o estúdio, mas cuidado pra não exagerar na pechincha(eheheh).





sexta-feira, 13 de novembro de 2009

ONDA VAI, ONDA VEM

Este ano a The Bluz completou dez anos de existência, mas eita ano difícil este... mas calma não estou pra reclamar não!
Como Deus é bom e maravilhoso, pois durante todo esse período foram muitas conquistas, diante das circunstâncias de um modo geral foram conquistas maravilhosas, graças a Deus.

Em 2000 gravamos 15 músicas, das quais 8 entraram no CD promocional "From Caruaru to the world", duas músicas entraram em compilações contendo bandas de todo Brasil, primeiro no CD  do Festival de Guaramiranga, depois no CD do selo Heavens Music de SP.Para nós estas gravações significaram um ótimo cartão de visitas, pois jamais imaginaríamos sermos selecionados para tocar em um grande festival de Jazz & Blues como o de Guaramiranga, e no mesmo ano nossa primeira temporada de shows no Sudeste.












Três anos depois voltamos para um outro grande festival, promovido pelo Jornal da Tarde do grupo Estadão, desta vez no lendário SESC Pompéia.













Mas há um bom tempo estamos querendo prensar e lançar o novo trabalho da The Bluz, gravado no Martins Studio em caruaru, e mixado no Oversonic em SP.Agora finalmente o nosso tão esperado disco "novo" está para sair... em contrapartida neste semestre saíram o terceiro baterista da formação, e o baixista original, que esteve conosco desde o começo.

Mas já temos um novo baixista, é Rogaciano, em breve mais detalhe, o novo baterista Thássio Alves, já divulgamos... então vamos trabalhar, que Deus nos ajude!


Na foto ao lado Rogaciano (direita) com Richie Barshay, Batera das bandas de Chick Corea e Herbie Hancock.


Por Joanatan Richard, que é Músico, compositor, vocalista, produtor fonográfico e administrador da Ipojuke Records.

domingo, 25 de outubro de 2009

REFLETINDO SOBRE A CENA MUSICAL

 
Recentemente no blog A hora do Rock achei um comentário muito interessante, feito pelo Vocalista e guitarrista Caio Durazzo da Crazy Legs, também com passagem pelas bandas Made in Brazil e Alex Valenzi.


"As bandas boas e fiéis ao que se propõem a fazer, na sua maioria estão em casa sem ter lugar pra tocar. Poucas são as que se destacam e isso é uma pena, porque acaba tendo muito talento perdido, que ninguém nunca vai conhecer. Já as atuais, por sua vez, descartáveis e manipuladas e enlatadas estão aí, com tudo, tocando, tocando e tocando até o nosso ouvido estourar... Falta oportunidade."



Realmente isso é uma realidade que as vezes passa despercebida por todos nós, muitas vezes reclamamos que não há renovação, que não se faz música como antes, só que infelizmente tem muita gente boa que está debaixo do tapete, seja na cena de música cristã ou cena secular, vence quem tem como se promover, quem está mais perto da mídia, ou um bom "padrinho" que tenha poder.Em especial quando estamos mais distante do "eixo" complica ainda mais.
Nem tudo que é rock ou afirma ser rock é de fato rock, tem muita bandinha se denominando a tal, se diz underground, fazendo cara feia, cheios de trejeitos, mas não são de verdade!
Minha intenção aqui não é só reclamar, nem ficar "choromingando", mas além de compartilhar minha indignação, convocar pessoas que acreditam na boa música a lutarem por ela, pois há uma grande prostituição mercadológica, todos querem o caminho mais fácil, e não constroem de fato uma história, uma base firme, inclusive inclusive na cena cristã, repito.

Um dos grandes problemas da humanidade é a hipocrisia, a mentira...

Por Joanatan Richard

Confiram a entrevista completa:

http://ahoradorocknroll.blogspot.com/2009/10/entrevistas-da-hora-caio-durazzo-crazy.html

terça-feira, 20 de outubro de 2009

NOTÍCIA IMPORTANTE SOBRE A THE BLUZ

Anunciamos oficialmente que, Jarbas o baixista e membro da formação original e embrionária da banda, está deixando a The Bluz!

Por um lado lamentamos, e por outro torcemos que ele seja bem feliz e abençoado por Deus em seus novos propósitos, na banda ele foi de tamanha importância para o crescimento e identidade musical, e em vários aspectos nesses 10 anos da banda.

O outro membro que também que não está mais conosco é o baterista Thiago Melo, também de grande importância durante sua permanência na banda.

Nosso muito obrigado, Jarbas e Thiago... e vamos em frente com muita fé e firmeza!

Anunciamos também que o atual baterista é Thássio Alves, já o baixista estamos discernindo ainda quem será o substituto.




terça-feira, 29 de setembro de 2009

 







Com

THADEU 

SIQUEIRA 

ALVES












Lembro me muito bem quando na metade dos anos  da década de 1990 quando fui pela  primeira vez no estúdio que ficava no prédio da Livraria Estudantil em Caruaru - Pernambuco , não lembro em qual andar nem a sala, mas foi lá que conheci Thadeu, eu nunca havia gravado, mas tinha acabado de entrar na Banda Patota, que havia gravado lá recentemente, fui com um membro fundador da banda, o amigo músico e produtor Alexandre Rasec, estava apenas começando no mundo profissional da música, e não tínhamos a fartura e facilidade para com as informações que temos atualmente.
Fiquei bem curioso com aquele equipamento, gravador de rolo, as salas de gravação... e uma recordação interessante, perguntei a Thadeu: "É difícil gravar, pois nunca gravei antes, mas nós tocamos na linha do Creedence, que deve ser mais fácil gravar  não é?"(risos)

Somente no ano 2000 que a gravação da The Bluz foi concretizada, com o estúdio em outro local da cidade.No Kazulo gravaram também, algumas importantes bandas contemporâneas  da nossa cena, Sangue de Barro, Zabumba Bacamerte, Thorn, etc. 
Muitos trabalhos já foram feitos por Thadeu, com 25 anos de áudio, trabalhou com vários artistas e bandas de nome nacional. 
Nomes como: Adilsom Ramos, Jorge de Altinho,  Alcimar Monteiro, Banda Pinguim, Banda Anjo Azul, Banda Gang Latina, Fagner, Santana, Luiz Gonzaga, Oswaldinho, Hermeto Pascoal, A sas da América, Renilda Cardoso, Valdir Santos, Erisom Porto, Almério e Rogéria, Josildo Sá, Zabumba Bacamarte, The Bluz, Sangue de Barro, etc.
Atualmente Thadeu vem dando continuação seu trabalho que está cada vez melhor, no Global  Mix studio.

Espero que curtam mais uma the "Bluz blog" entrevista!

Qual foi a primeira impressão que teve quando começou a gravar o primeiro trabalho da The Bluz, isso no ano 2000? 
Que o blues era um desafio de se gravar, não é simplesmente ligar o gravador e sair gravando, e sim um estado de espirito. Apredemos muito com aquele projeto. 

Fala sobre o Estúdio Kazulo e o equipamento que dispunham naquela época. 
Foi um sonho que realizei; ter o meu proprio home studio. O nome kazulo era uma idéia de entrar naquele pequenino studio e o som passar por uma grande metamorfose de timbres e pura energia e talento. O equipamento era modesto mais falava como gente grande, pois sempre fui fã dos equipamentos europeus, principalmente os ingleses e alemães.  

O que de mais relevante você percebe que mudou de lá pra cá? 
Acho que a tecnologia avançou e o talento se retraiu. Não é a toa que a gente vê a nova geração redescobrindo bandas como IROM MAIDEN, BLACK SABBATH, RUSH, PINK FLOYD, QUEEM, BB.KING, ERIC CLAPTON aff!... etc, no Brasil, nem se fala. Mais as pessoas já estão descobrindo que não basta ter um PC e uma placa, que numa gravação não e só ter uma idéia, samplers e loops. Gravar uma bateria acústica e depois não saber o que fazer com ela; sai troncando o som por sampler destruindo a perfomance do baterista. O TALENTO ainda faz a diferença.   
 

Muitos em nossa região o consideram um dos melhores engenheiros de som, e o mais conectado tratando-se de gêneros musicais gringos, Rock, Blues, Metal, Progressivo, etc.O que pensa a respeito disso tudo? 
Eu antes de tudo sou um roqueiro careta (risos) meus ouvidos cresceram ouvindo rock, blues, funk, ritmo & blues e meu pai tinha banda de baile; lá passaram grandes músicos e na convivência com eles eu descobrir muito som legal. Então enquanto muita gente tratava o rock no studio com um certo preconceito, eu já usava guitarra com amplificador marshal emprestado do meu amigo Jairo da banda versatil. Acho que isso diz tudo.     

Poderia citar três discos que marcaram tua vida, e porque?
- 1 Hemisphere do RUSH mudou minha vida.
- 2 Fragile do YES, o Jon Anderson canta como um anjo, e o Cris Squaire segura a onda naquele velho Rickenbacker, uma viagem.
- 3 Fantasy da banda negra de R&B EARTH, WIND & FIRE, que na decada de 80 era considerada um fenonemo, uma aula de swing, grooves e arranjos de metais e voz, tenho até hoje todos os LPs guardado. 


O que podemos esperar do Thadeu Mixer para um futuro breve, projetos?! 
Quem me conhece sabe que não paro de reciclar quando ninguém sabia o que era pro tools eu fui a São Paulo estudar e comprei um Mac G4 isso na década de 90. Quando a M7 (mesa digital) chegou ao nordeste eu já fazia um ano que tinha o manual dela em mãos. Vem ai a nova mesa digital D-SHOW, eu já tenho o software dela no meu notebook, ou seja sempre busco a informação. Meu projeto atual é dar um curso básico de áudio para a galera daqui e região, e passar um pouco do que sei nesses 29 anos de profissão.


Deixe suas considerações finais para a galera nova que está atuando em nossa região.  
 Procurem estudar bastante, pelo menos o seu som faça bem feito. Seja profissional não só no palco mais também fora dele. A importância de organização é fundamental para quem quer voar mais alto na música.


 

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

COMENTÁRIOS EM IMPORTANTES REVISTAS SOBRE O FROM CARUARU TO THE WORLD E A THE BLUZ



Revista Guitar Player Nº75 Julho de 2002. Por márcio okayama 






"A banda The Bluz mostra um som vigoroso e maduro.Seus integrantes vestem a camisa do blues, executando-o de maneira madura, com todos os sotaques e venenos do gênero... os excelentes solos de joanatan possuem muita pegada e transbordam feeling, em uma introspecção que lembra albert king nas frases comedidas e bem interpretadas.
Mérito do músico que, ao contrário da maioria dos guitarristas de sua geração, não copia steve ray vaughan.
Destaque também para a boa timbragem da guitarra, com som aveludado e cortante ao mesmo tempo seu estilo deverá agradar aos admiradores do blues britânico clássico, como mostra o molho à la peter green e mick taylor da faixa sobreviventes.O disco conta com boa produção e direção artística."








Revista ROCK BRIGADE Nº203 Junho de 2003. Por Antonio Carlos Monteiro






"From Caruaru to the world é o nome "irônico-pretensioso" deste CD-demo.E se a conquista do mundo ainda está distante deste quarteto, bem que ele merece vôos mais ousados por aqui mesmo.Porque trata-se de uma brilhante banda de blues!As oito faixas da demo dariam  um CD oficial sem problemas, já que ali estão excelentes músicas interpretadas por músicos do mais alto gabarito e produzidas com total respeito ao sistema auditivo do  prezado ouvinte.The Bluz investe forte naquela linha do blues de Chicago, com muita ênfase na parte instrumental... A pungente So many friends, so many roads, com seu "diálogo" de guitarra e Hammond, o riff simples, mas hipinótico de Rock, o clima "on the road" de My best friend, tudo, enfim, remete ao blues tocado com alma - como todo blues tem que ser, aliás."

Revista BLUES 'N' JAZZ Nº21 Outubro de 2002. Por Helton Ribeiro
























 Por Joanatan Richard

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Parte final do album "From Caruaru to the world" + capa



  
Pronto gente, concluida a postagem para baixar esse nosso 1º trabalho, gravado no ano 2000, espero que tenham gostado dessa postagem do CD que recebeu boas críticas, de revistas como a Guitar Player, Rock Brigade, Blues 'n' Jazz, e nos levou para muitos shows e festivais emvárias regiões do Brasil!

 ATENÇÃO, I DON'T BELIEVE IN JINX HAVIA FICADO DE FORA... AGORA APROVEITEM!


7. Tear for my God        


8. He healed my mind and my soul   

9. Born 2B happy       

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

MAIS MÚSICAS DO FROM CARUARU TO THE WORLD

Bem pessoal, esta já é a penúltima postagem das músicas do FCTW, em breve a última parte junto com a capa + fotos da The Bluz, na fase que Nato foi nosso baterista.

5. Rock      
6. Maranatha Blues          
http://rapidshare.com/files/275744076/06_-_MARANATHA.mp3.html

..........................................................................................................................................................................................................

 
E ATENÇÃO VOCÊ QUE CURTE A THE BLUZ... TEMOS NOVIDADES

O nosso novo trabalho, entitulado "MississiPE", tão aguardado por gente de todo Brasil, está pra sair finalmente, aguardem só mais um pouco.
Um grande album, que conta com a participação de grandes músicos do Blues e do Rock nacional, entre eles Lancaster, Boy, Giovanni Papaléo, Rodrigo Morcegão, Jefferson Gonçalves, Alxandre Moraes, Lucivan Max, Marcelo Naves, etc.
      
                                EM BREVE...

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

BLOG ENTREVISTA JÚNIOR SÁ ADMINISTRADOR DA NOVA MUSIC


Em um ano de atividade, a mais moderna e inovadora loja do interior do Nordeste tem agradado a músicos e profissionais da música da nossa região, e seguindo o ritmo de crescimento de Caruaru, a loja busca de forma pioneira agregar desde valores éticos relacionados ao mercado até o resgate de valores culturais, resgatando no que lhe diz respeito a autoestima do músico do Agreste Pernambucano.
 Muitas bandas já apresentaram-se no "Espaço Nova Music", ou mesmo em eventos apoiados pela loja, dentre bandas e músicos de destaque internacional, nacional e regional cito alguns: Eduardo Ardanuy, Andreas Kisser, Douglas Jem, Glory Opera, Torture Squad, The Bluz, Val Tomato, El Mocambo, Thorn, Sangue de Barro, Predator, On The Rocks, Perpétuo Insigne, Serpentários, Quinto Karma, Alkymenia, CIA groove, Doxo, etc. 
E nesta postagem trazemos para vocês a entrevista com o cidadão que traçou todo esse projeto, e o faz junto com sua equipe e parceiros, com vocês Júnior Sá!

A Nova Music está fazendo aniversário, qual a sua avaliação desses doze mêses?

Em setembro completamos um ano de atividades, foram 12 meses de trabalho intenso para posicionar a loja no rumo certo. A nossa conclusão é que todo o esforço vem sendo recompensado e o trabalho está valendo a pena porque nos tem dado ótimas perspectivas para os próximos anos. 




Em que ponto Júnior Sá o guitarrista e músico está presente na pessoa do administrador, e virse versa?
Em tempo integral existe a presença do guitarrista nas ações administrativas da loja, como estamos comprometidos em fazer um ambiente direcionado a músicos (profissionais e/ou amadores), precisamos desse referencial para imaginar o que o nosso cliente gostaria de encontrar aqui e de que forma podemos estar em sintonia com o universo dele.
Já quando o assunto é tocar guitarra, procuro ficar livre para aproveitar toda a satisfação que a música me proporciona, é o momento que alivio as tensões e me livro do stress, o administrador não interfere nestes momentos.
                                         
                      A EQUIPE: Everton, Jr Sá, Emanuele, Eugênio e Thássio


Sabemos que a Nova Music é um grande sucesso em Caruaru e região, o que mais podemos esperar daqui pra frente?Ou já atingiram a meta?
Já tivemos as metas previstas para o primeiro ano alcançadas, porém existe um planejamento que vai muito além deste período. Temos muitas idéias que ainda não foram postas em prática, pois creio que tão importante quanto a iniciativa é a hora de tomá-la.
Estamos trabalhando no momento para oferecer uma maior variedade de produtos e para intensificar ações que estimulem o interesse pela música. 
                              
                                  Edu Ardanuy durante o Master Class  

Além do atendimento de primeira qualidade, uma estrutura moderna e diferenciada, você atribui o sucesso da loja a algo mais em especial?
Quando decidi iniciar o projeto da NOVA MUSIC, procurei descartar todas as possibilidades de fazer algo nos moldes tradicionais, busquei parceria com a Cia Groove e implantei diversos diferenciais que atraíssem a atenção das pessoas. Atribuo grande parte do nosso sucesso a esta postura e ao público que assimilou a idéia tornando-se naturalmente mais exigente, para o cliente hoje, já não basta mais ter apenas um preço bom, é preciso estar satisfeito com todo o processo que envolve a compra, e o que vendemos na NOVA MUSIC é mais que produtos, é segurança, conforto e satisfação. Apesar de a cidade ainda estar em processo de desenvolvimen- to, já tem muita gente que enxerga a questão do valor agregado como benefício para sua compra (isso é típico de centros comerciais desenvolvidos).
Do ponto de vista mercadológico sabemos que muita coisa melhorou bastante de uns anos pra cá, mas ainda pagamos um alto preço por instrumentos importados de marcas "consagradas", acredita que nosso senado vai de fato votar na lei de isenção de impostos?
Numa época em que o senado quer ressuscitar o imposto do cheque, acho pouco provável que queiram abrir mão de algum outro imposto. Mas não deixo de ter esperanças, principalmente porque isso impulsionaria o desenvolvimento de toda a “cadeia” musical.

                    DOUGLAS JEM DURANTE WORKSHOW NO CALÇADÃO NOVA MUSIC


Mesmo que isso aconteça, será que as grandes importadoras e distribuidoras vão fazer a parte delas?!
Certamente que sim. A exemplo do que ocorreu com a isenção do IPI para carros e eletrodomésticos, as grandes importadoras se esforçariam para aumentar a demanda, elas sofrem uma grande pressão das marcas “consagradas” para manterem  metas de distribuição de seus produtos, um aumento de vendas é tudo o que elas precisam para tornarem estas parcerias estáveis.
Você com certeza já entrou no quadro de pessoas importantes para nossa cidade, sente-se de certa forma realizado mediante a trajetória até aqui?
Eu não me julgaria desta forma, o trabalho desenvolvido pela NOVA MUSIC tem, sem dúvida, importância a médio/longo prazo no desenvolvimento do cenário musical da nossa região, mas este trabalho poderia ser feito por qualquer pessoa. Tive a felicidade de tomar a iniciativa, e este sim é o motivo de eu estar realizado com nossa trajetória.

                                               Daniel Neves da revista Musica e Mercado



Deixe suas considerações finais
Sou grato a Deus por Ele ter norteado as decisões que nos fizeram chegar até aqui e também a todas as pessoas (clientes, funcionários, fornecedores, amigos etc) que entenderam a nossa proposta e são os principais responsáveis pelo sucesso deste empreendimento.
                                 




Por Joanatan Richard

MAIS MÚSICAS DA THE BLUZ, DO FROM CARUARU TO THE WORLD






















3. So many friands so many roads
 4. Sobreviventes

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

ENCONTRO ENTRE PROFISSIONAIS DA ÁREA MUSICAL NA CÂMARA

Hoje dia 09/09 haverá um encontro entre profissionais da área musical de Caruaru, portanto músicos, proprietários de lojas e estúdios, cantores, compositores, técnicos, produtoes, etc, compareça o encontro começa 19:30Hs, na Câmara de Vereadores de Caruaru, onde vários temas serão abordados, entre eles:


  • Como vemos e o que desejamos para o futuro da nossa música;
  • Qual a nossa postura de negociação com os poderes públicos;
  • Orçamento participativo na Cultura;
  • Capacitação X Profissionalismo;
  • Cadeia produtiva musical em Caruaru.


      Esperamos contar com a presença de todos.

São atitudes como essa e ao mesmo tempo buscar fazermos melhor e orginazadamente nossos trabalhos, e assim vamos exercendo nossa cidadania, em busca de nossos direitos quanto aos investimentos em cultura, e porventura quem sabe não será amenizada a grave doença brasileira chamada corrupção, motivo pelo qual não recebemos em benefícios diversos (em especial aqui a cultura) que é de direito, até por sermos nós mesmos que bancamos através das imoral taxa tributária que pagamos aqui no Brasil.
Vamos avente, com sabedoria, força de vontade e fé, e no mais que Deus nos abençoe e conduza nossos passos no sentido de conseguirmos o melhor para nossa comunidade
Por Joanatan Richard

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

CD THE BLUZ DOWNLOAD/BAIXAR/BAJAR...

Como prometido será postado um CD da The Bluz para baixar!!!!!!!
Trata-se do histórico 1º trabalho da banda, que foi gravado há 9 anos, portanto a gente só tinha um ano de atividade.Gravamos no histórico Estúdio Kazulo do lendário Thadeu Siqueira, um dos melhores engenheiros de som do Nordeste, gravou na época várias bandas de Rock e afins da cidade Sangue de Barro, Zabumba Bacamarte, The Thorn, etc).

Este nosso trabalho recebeu ótimas críticas da Rock Brigade, Guitar Player, Blues 'n' Jazz, e através dele chegamos a importantes festivais (Guaramiranga Jazz & Blues, Rock in Concert IV, I Blues Latino Jornal da Tarde/SESC Pompéia, etc), e foi tocado em em todo Brasil em vários programas de rádio especializados no gênero, em São Paulo, Pernambuco, Ceará e inclusive na Argentina.


Aproveitem esses links temporários, sinceramente não sabemos se esse algum este disco vai ser disponibilizado em maior escala, portanto é uma oportunidade para quem curte nosso som!EHEHEHE...

A formação:

Joanatan Richard - Vocal e Guitarra
Jarbas Aquino - Baixo
Paulo Junior - Teclado
Nato Vila Nova - Bateria

Músicos convidados:

Alexandre Rasec - Teclado em algumas faixas 
Herbert Lucena, Ivonete, Silmara e Bárbara- Backing Vocals
Sandrinho Ruff - Bateria em "Maranatha Blues"
Lucivam Max - Percussão 
Denison Pires - Guitarra em "Rock"

ATENÇÃO: As postagens serão feitas por etapas, de duas em duas músicas, confiram sempre!



1. My best Friend         
2. I don't believe in jinx        
 Divulgue nosso blog, ou algo relacionado a banda, e que Deus lhes pague em dobro!